sábado, 4 de setembro de 2010

Casamento - Aline e Marcos

A Aline e o Marcos se casaram no Espaço Aragon na Granja Viana, e acharam que as lembranças verdes combinariam muito com a festa que estavam planejando - com muito amor, paixão, prosperidade, sorte e beleza!!!
Quem esteve por lá deve ter ficado na dúvida sobre qual mudinha levar para casa, já que foram distribuídas ervas, temperos e árvores!
Todas as dicas de como replantar e cuidar das mudas estão na página do blog http://lepetitvert.blogspot.com/p/dicas-de-plantio-e-cuidados.html. Mas vale a pena ver como elas estava dispostas!!!
Cuidando do Ipê Roxo (Tabebuia heptaphylla)
O ipê roxo atinge de 5 a 12 metros de altura.
Gosta de sol moderado e terra úmida. A frutificação após o plantio leva de 5 a 7 anos para ocorrer. Florescem no período de junho à setembro.

Cuidando da Pitangueira (Eugenia uniflora)
Originária da Mata Atlântica brasileira, a floração da pitangueira é abundante, branca e perfumada, e ocorre de agosto a novembro. O período de frutificação varia de outubro a janeiro.
A pitangueira produz frutos duas vezes por ano, e torna-se safreira aos 6 anos. Pode atingir de 5 a 12 metros de altura. Gosta de sol moderado e de terra úmida, e é muito cultivada em apartamentos.

 
Cuidando da Lavanda (Lavanda officinalis)

Arbusto ou subarbusto, perene ou anual. É uma espécie rústica, não sendo exigente quanto à fertilidade do solo. Deve ser cultivada em solos muito bem-drenados e sob sol pleno. Podem-se realizar podas leves de formação e adubações ricas em fósforo para estimular a floração.

 Cuidando das Pimentas
A pimenteira não resiste por muito tempo em solos extremamente áridos, mas também não suporta solos encharcados. Ao irrigar, derrame a água apenas na terra ao redor da planta, nunca em seus frutos e folhas. As pimenteiras requerem muita luz para desenvolverem-se de forma plena e saudável, devendo ser evitada a exposição direta e excessiva da luz solar entre os horários das 10:30h às 16:30h.

Cuidando da Minirromã (Punica granatum)

Muito cultivada em apartamentos, a minirromã atinge até 1,5 m de altura.
Essa espécie gosta de sol (4 horas por dia), e de terra úmida (regar em dias alternados, ou sempre que a terra estiver seca).
As flores tronam-se os frutos, que podem ser colhidos e utilizados na alimentação.

2 comentários:

  1. Gostei muito desse tipo de lembrança,voçê está de parabéns pela criatividade,o mundo precisa de pessoas como voçê kkk abraços César Augustê

    ResponderExcluir